Não categorizado

CARETOS VOLTAM A INVADIR RUELAS DE LAZARIM EM LAMEGO

Os caretos, máscaras tradicionais esculpidas em madeira de amieiro, voltam a invadir as pequenas ruelas da vila de Lazarim, no concelho de Lamego, para comemorar o Carnaval.
Diabólicas, carrancudas, com orelhas bicudas, barbas, bigodes ou cornos e até a imitar animais, as máscaras esculpidas por artesãos locais mostram-se a partir de sábado aos milhares de visitantes que todos os anos de deslocam à vila.
O presidente da Junta de Freguesia de Lazarim, Adérito Sequeira Vaz, disse à agência Lusa que os festejos custarão cerca de 13 mil euros.
“A crise bate à porta de todos. Estamos a contar que a Câmara nos dê novamente um subsídio de cinco mil euros e a ver se nos paga alguma publicidade”, explicou, acrescentando que a restante verba será retirada do orçamento da Junta de Freguesia.
A novidade de este ano é um cortejo de caretos no sábado, em parceria com grupos de Ílhavo, de Mira e da Serra da Estrela.
Nos restantes dias, vai cumprir-se o programa habitual, tendo como pontos altos um desfile etnográfico no domingo e a leitura pública dos testamentos e a queima da comadre e do compadre na terça-feira.
Durante a leitura pública dos testamentos, é aconselhável tapar os ouvidos aos mais sensíveis. Caberá a um casal de dois jovens desenrolarem uma longa lengalenga, onde são criticados os rapazes e as raparigas da terra.
Depois, realiza-se um cortejo até ao local onde o casal, representado por bonecos, é queimado simbolicamente, num espetáculo de pirotecnia.
No fim, para encerrar as comemorações, há caldo de farinha e feijoada grátis para todos, oferecidos pela população.
Atendendo a esta tradição, a Câmara de Lamego deu tolerância aos funcionários na terça-feira à tarde, tal como tinha feito no ano passado.

Author Since: Jul 05, 2018

Related Post