CARNE IMPRÓPRIA APREENDIDA EM TAROUCA

CARNE IMPRÓPRIA APREENDIDA EM TAROUCA

Março 23, 2015 1 Por admin

A ASAE procedeu no dia 20 Março, à apreensão de vários produtos alimentares e deteve um homem que tinha como função a gerência de uma empresa que comercializava produtos alimentares.
A detenção e apreensão foram realizadas no concelho de Tarouca, quando a ASAE procedia a uma operação de fiscalização a um grossista de produtos de carne e queijos. As autoridades alimentares apreenderam 250 quilos de carne que estava imprópria para consumo, e 1,700 quilos de queijos, presuntos e enchidos por falta de rastreabilidade e ausência de número de controlo veterinário.
As duas dezenas de queijos “Serra da Estrela” foram apreendidos devido à violação de denominação de origem protegida (DOP).
A fiscalização decorreu depois de uma denúncia, a ASAE fiscalizou a empresa e encontrou ainda rótulos utilizados impressos através de material informática que se encontravam no estabelecimento. Foram encontrados ainda em vias de destruição diversos rótulos cujos os prazos de validade já tinham expirado e recolhidos indícios de que os produtos seriam novamente embalados com rótulos produzidos pela empresa com nova data de validade.
O balanço desta operação resultou em 30 mil rótulos e 4500 sacos de embalamento apreendidos, avaliados em mais de 25 mil euros.
O gerente que foi detido incorre em vários crimes de comercialização de produtos anormais avariados, fraude sobre mercadorias e violação de denominação de origem protegida, sendo que a actividade da empresa foi suspensa.


DD